Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

limbos verdes

limbos verdes

06 Mar, 2022

corações

para ti

 

62391B80-7A2D-4C95-9ADC-686629DF9DAC.jpeg

nestes últimos 2meses, desde que soubemos o que se passava contigo, não voltaste a torres. a tua fragilidade era tal que não tinha sentido andares de um lado para o outro. passei a visitar-te de 2 em 2 dias, em lisboa. nessas visitas a consciência que nos estávamos a despedir, deste encontro tão feliz que foi o nosso. tentei - mas nem sempre consegui - evitar que notasses o meu sofrimento. foram meses de sofrimento sim, mas também de paz e de amor. aliás, a tua médica disse-me isso no dia em que partiste, que viveste esta última fase da tua vida devido ao amor. foi ele que te segurou e manteve entre nós durante este período.
mas o que quero aqui deixar são alguns dos muitos corações que fui encontrando, também nas ruas do príncipe real que tão bem conhecias, neste período em que comecei este processo de 'aceitar' a tua partida. o primeiro é de uma pétala de papoula, na ribeira, onde vou procurando 'conforto' no mundo vegetal -e nalguns sons
mais do que palavras quero deixá-los aqui. interessa-me cada vez menos usá-las. sinto cada vez mais que elas nos limitam, que são redutoras, que não cabe tudo nelas. mantenho em mim alguma vontade de comunicar. continuarei a fotografar sem pressa. quando juntar uma série de rolos logo verei o que ficou registado e o que partilharei. sabes bem que o mundo das pessoas  não é o que mais me interessa, mas mantenho uma qualquer ligação. 
obrigado. 

são teus, Rachel. ❤️

45A4F03B-6051-45D6-96D6-045A586909D5.jpeg

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.