Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

limbos verdes

limbos verdes

do zambujeiro

 

FACFC482-7E0C-48A5-B15A-C83034CDFF6A.jpeg

C1E019D6-AB85-4E69-AFD8-652018ACAAA7.jpeg

BCDA1173-327B-4BA0-8B1C-98FFD407416F.jpeg

 

Lembro-me de aqui estar no primeiro dia do ano. As árvores e arbustos são  os mesmos, mas a vegetação que cobre o solo é diferente. Há, agora, um tom rosa e dourado predominante e já não o verde de janeiro.
São muitas as paisagens na paisagem, ao longo do ano. 
O que me faz querer regressar a cada local são diferentes coisas. Nalguns sítios o olhar foge para sul, noutros para oeste - mar- noutros, como aqui, o zambujeiro é o protagonista. Há uma espécie de grande sala e ele está ao centro. E a vegetação está presente por todo o lado, felizmente. 

74C59A2B-F628-483E-B0B1-863C9B89205B.jpeg

As verbenas, as cenouras bravas, os Delphinium, e um manto de centáurea-menor, entre outras florações. 

C7A55192-E2F5-401A-B505-653B927DC331.jpeg

Atrás do zambujeiro um extenso campo de  saudades ou suspiros roxos - Scabiosa atropurpurea


63643234-F513-47F9-B9B3-BE6229995D3C.jpeg

7C835466-6224-4758-B6F6-58CAA99856BD.jpeg

 


Há polinizadores entusiasmados por todo o lado. 

85342F5B-46D5-40A3-8B1E-1D073B1B59B7.jpeg

A2B90C7A-6B7E-4E60-83E7-ADCCC2000A36.jpeg

F162569E-040B-47D8-8409-F80528F8FF51.jpeg

O verde começa a despedir-se, lentamente. Em breve serão os tons quentes que ficarão durante  meses. 
Muito, mas muito em breve: as amoras. 

55BE8847-F859-476B-A116-B902CCB94946.jpeg

402E5897-50B9-481F-847C-592633A5B917.jpeg

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.